FBI prende executivo de Game of War

Android iOS Notícias

Game of War logoUm empregado da Machine Zone, desenvolvedora do jogo para smartphones Game of War: Fire Age, foi preso após alegar ter roubado informações de transações da empresa. De acordo com o The Wall Street Journal, Jing Zeng, que trabalhou no projeto como Diretor de Infraestrutura Global, foi interceptado por agentes do FBI quando tentava embarcar para Pequim. Uma queixa criminal alegava que Zeng estava tentando fugir com informações de comportamento de milhões de usuários do game, retiradas do banco de dados da Machine Zone.

Jing Zeng ingressou na Machine Zone no início de 2014, logo se mostrou abertamente insatisfeito com sua posição e solicitou transferência de time, o que foi negado. Junto à negativa, a empresa solicitou que Zeng deixasse a empresa, momento em que o acusado alega ter iniciado o download dos dados. Ainda segundo o The Wall Street Journal, assim que foi confrontado por seus colegas, Zeng tentou usar os dados como moeda de troca para conseguir um pagamento maior em seu rompimento de contrato.

Game of War

Mesmo não trazendo nenhum prejuízo para os jogadores, os dados – que incluíam informações de como jogadores gastam dinheiro no game – certamente seriam muito valiosos para concorrência e poderiam ser vendidos para alguma empresa sem escrúpulos.

Game of War: Fire Age é um dos aplicativos de maior bilheteria no mundo, o que garantiu a Machine Zone dinheiro suficiente para executar campanhas publicitárias de 40 milhões de dólares com estrelas como a modelo Kate Upton e, mais recentemente, com a cantora Mariah Carey.

Marketing na cabeça, game no coração. Não importa o dia, a hora e muito menos a plataforma, o que importa é o prazer de jogar.