eSport é a nova modalidade dos Jogos Asiáticos de 2022

Esports Notícias

Se existia uma região que merecia levantar a bandeira dos eSports como esporte, essa era a Ásia. Com campeonatos de mais de uma década de atividade em países como Coréia do Sul e China, o cenário competitivo por lá existe desde quando fazíamos torneios amistosos nas lan houses e nem pensávamos nesse “bum” estrondoso.

Pois foi justamente o que a região fez e agora a modalidade faz parte do calendário dos Jogos Asiáticos de 2022, evento aos moldes dos nossos Jogos Panamericanos que ocorrerá na China, com direito a disputa por medalha. A decisão veio do próprio Comitê Olímpico da Ásia, em parceria com a Alisports, braço de eSports da empresa de comércio eletrônico Alibaba.

Além disso, a edição 2018 do evento (que acontecerá na Indonésia), bem como os Jogos Asiáticos de Artes Marciais e Recinto Coberto (este já acontece em setembro deste ano, no Turcomenistão), terão competições do tipo, porém apenas como demonstração. Embora não saibamos ainda quais jogos farão parte do esquema de competições oficial, o torneio de artes marciais tem no planejamento FIFA 17, um MOBA e um RTS (estratégia em tempo real) ainda não definidos.

A expectativa é de que a novidade e o desempenho dos próximos eventos mostrem ao Comitê Olímpico Internacional e ao mundo a força existente no cenário, e que os eSports sejam reconhecidos não apenas como um esporte, mas um esporte olímpico. Vamos ficar na torcida.

Um simples desenvolvedor com textura realista que quer desligar a PhysX e sonha a 120 frames por segundo. Pena que a memória é baixa.