Um ode aos FPS velha guarda em Mothergunship

Muito populares nos anos 90, os games First Person Shooters conquistaram o coração dos jogadores e ganharam uma variedade de sub-gêneros, sendo um deles o FPS de ação em 360º, que consistia em uma mecânica de tiro onde você tinha controle completo sobre a movimentação de seu personagem, geralmente uma espaçonave. Tivemos títulos famosos nas décadas passadas como Forsaken e Descent, que deram origem a uma base de fãs fiéis e o desdobramento de outras franquias de porte maior como Rogue Squadron.

Nunca sumindo de fato do mercado, o gênero possui sua implementação em títulos mais recentes como a franquia Star Wars Battlefront. Longe de uma mecânica inserida em outro estilo, Mothergunship apresenta a essência verdadeira da liberdade de movimento dos games popularizados há duas décadas. Confira o trailer:

Anunciado como o sucessor espiritual do game de 2014 Tower of Guns, Mothergunship trás um intenso e implacável FPS com um poderoso sistema de personalização de armas e salas e inimigos gerados de maneira procedural, fazendo com que o jogo tenha uma vida longa por conta de sua natureza randômica de fases e vilões.

Mothergunship é um divertidíssimo jogo de tiro old school, e eu quero que os jogadores dêem muitas risadas enquanto jogam. Trabalhando juntamente com a Grip Digital, pegamos tudo o que gostávamos de Tower of Guns e aumentávamos, enquanto fazíamos grandes melhorias em todas as coisas que não funcionava muito bem. O resultado disso é um jogo ainda maior e melhor, e com a ajuda da Sold Out queremos alcançar o maior público possível”. – Joe Mirabello, diretor do projeto e fundador da Terrible Posture Games.

Sem data de lançamento definida, o game chegará em 2018 para PlayStation 4, Xbox One e PC.

Author: João Guilherme

Gateiro, cineasta, gamer, nerd, ama unicórnios e ninjas.

Share This Post On