Tudo o que você precisa saber sobre a Liga de Overwatch

Chegando perto de seu segundo ano de vida, o FPS fenômeno da Blizzard, Overwatch, vem ganhando mais e mais força, tendo em seu campeonato anual a consolidação de sua popularidade. A temporada do ano da Liga Overwatch teve seu início no dia 10 de dezembro de 2017 com as preliminares classificatórias e se estende até sua grande final, que será realizada no dia 16 de junho de 2018.

Sua importância, eficiência e destaque no meio dos Esports é um empreendimento massivo feito pela sua desenvolvedora, que empregou meses de dedicação para sua realização. O grande campeonato este ano conta com mais de 100 jogadores ao redor do mundo e com 12 locais servindo de estágios de classificações: Boston, Dallas, Florida, Houston, Londres, Nova York, Filadelfia, São Francisco, Seul, Xangai, e mais duas localizações em Los Angeles.

Em sua estruturação, o modelo adotado é o de quatro rodadas, com a duração de cinco semanas cada, com sua final em junho. Coincidentemente, esta data marca o final da E3 deste ano. A premiação é mais do que generosa para um game que recentemente completou um ano de vida: ao final de cada etapa de classificação, o time vencedor leva U$125.000 e tem como grande prêmio para o ganhador da Liga Overwatch, a quantia de 1 milhão de dólares.

O local do torneio após as eliminatórias será realizado em Burbank, Califórnia, em uma arena especialmente preparada para o evento. O espaço de última geração possui múltiplos palcos de som, salas de controle, salões para jogadores e até uma loja de mercadorias da Blizzard. A arena já foi anfitriã das partidas do Overwatch Contenders e do Campeonato Mundial de Hearthstone.

São 12 times classificados para a primeira temporada, confira abaixo:

LIGA DO ATLÂNTICO

Boston Uprising

O Boston Uprising faz parte do The Kraft Group, que também é dono de times de esportes tradicionais e possui em sua gerência o veterano de campeonatos de StarCraft 2, Chris “HuK” Loranger. O nome Uprising foi escolhido para combinar com os outros times do grupo: Patriots e Revolution. Apesar de não possuírem muita experiência, o time sabe que está entrando na Liga como “azarões”, porém já possuem fama de ganhar sob pressão. HuK montou um time baseado em sinergia e disposição a fim de alavancar as habilidades individuais dos jogadores. São eles:

  • Ofensivos: Jonathan “DreamKazper” Sanchez, Namju “Striker” Gwon e Stanislav “Mistakes” Danilov.
  • Tanques: Noh “Gamsu” YoungJin, Lucas “NotE” Meisner e Shin “Kalios” WooYul.
  • Suporte: Park “Neko” SeHyun, Mikias “Snow” Yohannes, Connor “Avast” Prince e Kristian “Kellex” Keller

Florida Mayhem

As cores do time representam o apoio dos Misfits, outro grupo que já teve sucesso em campeonatos de League of Legends e na comunidade de jogos de luta. Além disso, o Florida Mayhem possui uma parceria com o time de basquete Miami Heat. O Mayhem possui como marca um teor arteiro e despreocupado tanto nas batalhas quanto na composição de seu time, que são:

  • Ofensivos: Kevin “TviQ” Lindström, Andreas “Logix” Bergmans
  • Flex: Tim “Manneten” Bylund e Johan “CWoosH” Klingestedt
  • Suportes: Sebastian “Zebbosai” Olsson e Zleksi “Zuppeh” Kuntsi

Houston Outlaws

Os Houston Outlaws, apoiados pelo OpTic Gaming, usam o mesmo preto e verde que sua organização matriz. A OpTic construiu seu renome em Call of Duty e provou ser bastante adepta da criação de fortes equipes de atiradores e da construção de uma base de fãs. Possuem uma rivalidade intransigente com a equipe texana do Dallas Fuel, que remonta aos dias da OpTic versus Team Envy. Seus jogadores são:

  • Ofensivos: Matthew “Clockwork” Dias, Jake Lyon, Lucas “Mendokusaii” Håkansson, Jiri “Linkzr” Masalin
  • Tanques: Austin “Muma” Wilmot e Matt “Coolmatt” Iorio
  • Suportes: Daniel “Boink” Pence, Christopher “Bani” Benell e Shane “Rawkus” Flaherty
  • Flex: Alexandre “Spree” Vanhomwegen

London Spitfire

Com o apoio da plataforma de Esports Cloud, o London Spitfire é considerado uma das equipes mais fortes da Liga Overwatch. A única equipe da europeia estará competindo na Divisão Atlântica com um rol de jogadores sul-coreanos surpreendentemente fortes:

  • Ofensivos: Kim “Rascal” Dong-Jun, Park “Profit” Jun-Young e Kim “birdring” Ji-Kyeok
  • Tanques: Hong “Gesture” Jae-Hui e Baek “Fissure” Chan-Hyung
  • Suportes: Kim “Nus” Jong-Seok, Jo “HaGoPeun” Heyon-Woo e Jung “Closer” Won-Sik
  • Flex: Kim “Fury” Jun-Ho e Seong “WooHyaL” Seung-Hyun

New York Excelsior

A Sterling.VC, que está por trás da compra do time New York Excelsior, adquiriu e agregou à sua composição a equipe LW Blue, uma das melhores competidoras sul-coreanas de Esports. Representando a cidade de Nova York e afirmando que estão “sempre para cima”, a NYXL espera terminar forte na Divisão Atlântica. Apesar de possuir uma estruturação com jogadores sul-coreanos, a NYXL está se empenhando em sua marca de Nova York para criar uma equipe acessível para os leigos. São eles:

  • Ofensivos: Park “Saebyeolbe” Jong-Ryeol e Kim “Libero” Hae-Seong
  • Tanques: Kim “Meko” Tae-Hong, Song “Janus” Jun-Hwa e Kim “Mano” Dong-Gyu
  • Suportes: Bang “Jjonak” Seong-Hyun, Hong “Ark” Yeon-Jun
  • Flex: Kim “Pine” Do-Hyeon

Philadelphia Fusion

A Philadelphia Fusion estará jogando pela primeira vez durante a temporada inaugural da Liga. Com o apoio da Comcast Spectacor, proprietária do time de hóquei Philadelphia Flyers, a Fusion foi uma das últimas equipes a se juntar à Liga Overwatch. Seu rol é multicultural, com jogadores de todo o mundo se juntando para representar “Philly” na Liga:

  • Ofensivos: Lee “Carpe” Jae-Hyeok, Georgii “Shadowburn” Gushcha, Simon “Snillo” Ekström e Josue “Eqo” Corona
  • Tanques: Joona “Fragi” Laine e Kim “Sado” Su-Min
  • Suportes: Joseph “Joemeister” Gramano, Park “DayFly” Jeong-Hwan, Isaac “Boombox” Charles e Alberto “Neptuno” González Molinillo
  • Flex: Gael “Poko” Gouzerch e Choi “Hotba” Hong-Jun

LIGA DO PACÍFICO

Dallas Fuel

Team EnVyUs foi uma das equipes mais dominantes no início dos campeonatos de Overwatch. Estão entrando para a Liga como Dallas Fuel, apoiados com um investimento de US$ 35 milhões da Hersch Family Investments. Dallas é a cidade natal de Mike Rafael, o dono do Fuel, e o torneio marca um retorno à casa para o time. Adicione o fato de que eles têm alguns dos maiores nomes, incluindo Seagull e Mickie, e não é surpresa que muitos olhos na Divisão do Pacífico estejam focadas no time. Veja o rol:

  • Ofensivos: Hwang “Effect” Hyeon e Timo “Taimou” Kettunen
  • Tanques: Christian “Cocco” Jonsson e Félix “xQc” Lengyel
  • Suportes: Sebastian “Chipshajen” Widlund, Scott “Custa” Kennedy e Jonoathan “HarryHook” Tejedor Rua
  • Flex: Ponghop “Mickie” Rattanasangchod e Brandon “Seagull” Larned

Los Angeles Gladiators

Revestidos em roxo real, os Gladiators são uma das duas equipes de Los Angeles na Divisão do Pacífico. Propriedade da Kroenke Sports & Entertainment, juntamente com o time de futebol americano Los Angeles Rams, os Gladiators entraram com tudo na Liga. Ousados, magnificentes e prontos para uma luta, o time tem alguns dos atletas mais ofensivos da Liga. Seu principal concorrente continua sendo o Valiant, o segundo time da cidade de Los Angeles. Em seu rol estão:

  • Ofensivos: Choi “Asher” Jun-Sung, Lane “Surefour” Roberts e Joao Pedro “Hydration” Veloso de Goes Telles
  • Tanque: Luis “iRemiix” Galarza Figueroa
  • Suportes: Jonas “Shaz” Samuel Suovaara e Benjamin “BigGoose” Ville Aapeli Isohanni
  • Flex: Aaron “Bischu” Kim

Los Angeles Valiant

Originalmente conhecidos como Immortals, o Los Angeles Valiant foi uma das primeiras organizações norte-americanas a encontrar sucesso no Overwatch competitivo. Durante a Temporada Zero da Blizzard Overwatch Contenders, o time mostrou-se completamente dominante em relação à concorrência norte-americana. Na Liga, enfrentarão uma competição muito mais rígida, mas a mistura de experiências de veteranos e talentos jovens do rol de atletas deve ser mais do que suficiente para torná-los uma das equipes mais excitantes do torneio. Confira:

  • Ofensivos: Ted “Silkthread” Wang, Terence “Soon” Tarlier, Christopher “Grimreality” Schaefer e Brady “Agilities” Giardi
  • Tanques: Koo “Fate” Pan-Seung e Sebastian “Numlocked” Barton
  • Suportres: Park “Kariv” Young-Seo, Stefano “Verbo” Disalvo e Benjamin “unkoe” Chevasson
  • Flex: Indy “Space” Halpern e Lee “Envy” Kang-Jae

San Francisco Shock

Comprado pela NRG Esports e apoiado por celebridades como Shaquille O’Neal, Jennifer Lopez e Marshawn Lynch, o Shock foi um dos times mais divertidos da última Liga. A equipe prometeu #ShockTheWorld (chocar o mundo) com jogadas audaciosas e grandes personalidades. Seus jogadores consistem em:

  • Ofensivos: Jay “Sinatraa” Won, Dante “Danteh” Cruz, Andrej “Babybay” Francisty e André “iddqd” Dahlström
  • Tanque: David “Nomy” Lizarraga Ramirez Osmar
  • Support: Nikola “Sleepy” Andrews
  • Support: Daniel “dhaK” Martinez Paz
  • Flex: Matthew “Super” DeLisi
  • Flex: Andreas “Nevix” Karlsson

Seoul Dinasty

Mencionamos várias listas sul-coreanas até agora, mas apenas uma equipe detém o título de representatividade do país. A Dynasty, de propriedade da KSV Esports, assinou um rol de atletas da Lunatic-Hai, amplamente considerada como a melhor organização de Esports do mundo. Com os uniformes em preto e ouro e seu impressionante histórico, é claro que Seul já se considera um time de nível superior. Conheça os jogadores:

  • Ofensivos: Chae “Bunny” Jun-Hyeok, Choi “Wekeed” Seok-Woo, Kim “Fleta” Byung-Sun e Byun “Munchkin” Sang-Beom
  • Tanques: Gong “Miro” Jin-Hyuk e Kim “Kuku” Dae-Kuk
  • Suportes: Yang “Tobi” Jin-Mo e Ryu Je-Hong
  • Flex: Koo “XepheR” Jae-Mo, Kim “Zunba” Joon-Hyeok e Moon Gi-Do

Shanghai Dragons

Os primeiros a serem anunciados para a Liga, os Dragons representam Xangai em suas cores vermelho, amarelo e preto. Seus donos, a empresa de desenvolvimento de jogos e distribuidores de títulos da Blizzard, NetEase, os Shanghai Dragons são relativamente desconhecidos em comparação com muitos outros times da Liga Overwatch até agora. Em seu rol de atletas estão:

Ofensivos: Chao “Undead” Fang e Weida “Diya” Lu

Tanques: Junjie “Xushu” Liu e Wenhao “Roshan” Jing

Suporte: Peixuan “Freefeel” Xu, Zhaeoyu “Fiveking” Chen e Yage “Altering” Cheng

É possível acompanhar de perto seu time favorito, receber as notícias da Liga e receber alertas sobre todos os eventos usando o aplicativo Overwatch League para Android e iOS, e para mais informações sobre o campeonato, basta acessar o site do jogo.

Author: João Guilherme

Formado em cinema, gamer há mais de 25 anos, tem 2 gatos e ama unicórnios.

Share This Post On
%d blogueiros gostam disto: