Dead Cells: Metroidvania roguelike chega ao acesso antecipado do Steam

Metroidvania, na minha humilde opinião, é um gênero maravilhoso que nasceu no mundo dos videogames. A herança maravilhosa de exploração progressiva e ação que as séries Metroid e Castlevania  representam gerou bebês maravilhosos como Cave Story, Axiom Verge e mais outros tantos, cada um trazendo novos temperos ao caldo. Para fãs doentes como eu, é um gênero feito de amor e sonhos – e ódio e lágrimas por não achar aquele maldito último segredo de uma fase. Dead Cells, da Motion Twin, é uma nova adição a essa linda família e parece ser um exemplar maravilhoso.

image-27676

O game é descrito pelos criadores como um “roguelike de plataforma e ação, inspirado em Castlevania”. A parte roguelike da coisa é clara: a cada sessão de jogo o castelo explorado muda, aumentando a dificuldade e mantendo a experiência fresca. Além disso morrer é voltar ao início e tentar de novo. O Combate do game é abertamente inspirado na série Souls, com comando de rolar, inimigos que atacam em padrões a serem decifrados e estilos e tmings diferentes para cada arma. A progressão pelos cenários, como tradicionalmente no gênero metroidvania, é não-linear, dependendo apenas da curiosidade do jogador e das habilidades de que ele disponha a cada momento. Nada de checkpoints, dificuldade alta e evolução gradual a cada morte – aparentemente elas serão muitas.

image-27677

Dead Cells usa gráficos em pixel art muito bem trabalhados com uma paleta de cores vivas, que contrastam com a tensão da morte que espera o jogador a cada esquina. As animações do personagem e dos inimigos são fluidas e os efeitos de luz, em especial, impressionam já nas primeiras imagens. O estilo parece uma mistura de Dark Souls com Hyper Light Drifter, o que eu notei ser algo de que nós sempre precisamos e não fazíamos ideia.

image-27678

O jogo acaba de entrar em acesso antecipado no Steam no dia 10 de maio, isso significa que jogar agora é, na prática, participar do processo de finalização do projeto. Isso pode ser muito bom, ou muito ruim. Na página do Steam do game a produtora diz o seguinte sobre disponibilizar o game antecipadamente:

Dead Cells é muito divertido agora, o acesso antecipado vai fazer dele ainda melhor. Essa fase vai durar cerca de 8 a 12 meses. Nós vamos tentar dobrar o conteúdo. Agora você tem aproximadamente 16 a 20 horas em média do começo ao fim. O preço provavelmente vai aumentar durante/depois do acesso antecipado. Nós trabalharemos bem de perto com a comunidade para melhorar o game”

Fica a critério de cada um, mas que o game parece legal parece. Um indicador do lado otimista é que as resenhas de usuários do Steam estão elogiando efusivamente Dead Cells. Comemorando o lançamento antecipado – e atiçando sua vontade de jogar – os criadores lançaram um novo trailer. Confira:

Author: Daniel Soares

Historiador cultural. Geek de games, quadrinhos, filmes, RPG, manga e outros. Levemente dissociado da realidade. Viciado em abacaxi.

Share This Post On