Fallout 4: ZeniMax é processada por canção em comercial

Quando foi lançado, Fallout 4 contou com um comercial em que a canção The Wanderer — gravada pelo cantor Dion — é usada como trilha musical. A voz do hit dos anos 1960, no entanto, não se mostrou feliz com o resultado final e agora exige seus direitos na justiça.

Segundo o Polygon, um acordo foi firmado previamente entre o artista e a ZeniMax, conglomerado ao qual pertence a Bethesda, em que era dado a Dion o direito a barrar o uso de sua gravação caso o resultado final não lhe agradasse — podendo, inclusive, cobrar royalties da empresa. Visto que a ZeniMax não cumpriu sua parte, o cantor decidiu entrar com um processo contra a empresa em que ele pede compensação pela quebra de contrato.

O que mais chama a atenção na história é o extremo desapreço de Dion pelo comercial veiculado. De acordo com os documentos do processo, o artista afirma que o vídeo de Fallout 4 “mostra vários homicídios em uma paisagem tenebrosa e distópica, onde a violência é glorificada como um esporte”.

Curiosamente, o trailer oficial mostra apenas a morte de um Radroach. Por outro lado, quando alguém procura por “Fallout 4 The Wanderer” no YouTube, o primeiro resultado da lista é um clipe feito por fãs em que uma colagem de sucessivos assassinatos in-game é demonstrada. Teriam Dion e seus advogados se confundido ao entrar com a ação? De qualquer forma, o cantor tem um forte argumento ao seu favor se a ZeniMax, de fato, colocou o comercial no ar sem a sua autorização.

Dion foi um dos cantores de rock mais populares do início dos anos 1960 nos Estados Unidos. Ele foi incluído no Rock & Roll Hall of Fame em 1989.

Fallout 4 foi lançado em 2015 para PC, PlayStation 4 e Xbox One.

Author: Luiz Roveran

Brasileiro de estatura mediana, gosto muito de fulana mas sicrana é quem me quer. Compositor, guitarrista e pesquisador de trilha musical de videogames, meti-me a falar de jogos e pretendo continuar nesta toada por um tempo.

Share This Post On