Confira os vencedores do Golden Joystick Awards

O Golden Joystick Awards, tradicional premiação definida por voto popular do Reino Unido, chegou ontem (17) à sua trigésima-quinta edição.

Dentre as diversas categorias, surpresas e disputas acirradas graças a um ano recheado de boas produções.

O grande vencedor da noite foi The Legend of Zelda: Breath of the WildContemplado com o prêmio de Jogo do Ano, o game ainda faturou troféus nas categorias Melhor Áudio, Jogo do Ano da Nintendo e Escolha da Crítica. Horizon Zero Dawn Persona 5 fecharam o pódio, respectivamente, da premiação principal.

É interessante notar que Breath of the Wild foi lançado no começo do ano, mas o game conseguiu manter-se relevante até o fim de 2017 para ganhar a premiação popular. Em vídeo, o produtor Eiji Aonuma agradeceu aos fãs e deu graças ao fato de Super Mario Odyssey ter sido lançado apenas recentemente. Ambos os games da Nintendo estão indicados a Jogo do Ano no The Game Awards 2017.

A Big N ainda levou para casa o título de Estúdio do Ano, com a Nintendo EPD, e de Melhor Jogo Portátil/Mobile, com Pokémon Sun & Moon.

Algumas das escolhas do público nos servem como um termômetro para o ano que vem também. Overwatch levou para casa o prêmio de Esport do ano e Brady “Agilities” Girardi, jogador profissional do título pela Los Angeles Valiant, foi eleito o melhor esportista digital da temporada. Além disso, a Lunatic-Hai, equipe coreana que faturou três torneios relevantes de Overwatch em seu país este ano, foi eleita a equipe de Esports do ano. Com a iminência da Pro League do shooter da Blizzard, podemos esperar que a modalidade cresça e faça sucesso no ano que vem.

Outro jogo que se destacou foi PlayerUnknown’s Battlegrounds. Escolhido como o Título Multiplayer do Ano e Jogo de PC do ano, o game, que ainda não saiu de sua fase de acesso antecipado, já pode ser considerado um ponto de mudanças no cenário dos Esports.

Quem está feliz da vida é a atriz Ashly Burch, que conquistou pela segunda vez consecutiva o prêmio de Melhor Performance. A americana já havia sido agraciada com o troféu por sua excelente dublagem de Chloe Price em Life is Strange.

Confira a lista completa dos vencedores:

Jogo do Ano — The Legend of Zelda: Breath of the Wild

Melhor Design Visual — Cuphead

Melhor Áudio — The Legend of Zelda: Breath of the Wild

Melhor Atuação — Ashly Burch (Aloy, em Horizon Zero Dawn)

Melhor Jogo Indie — Friday the 13th: The Game

Estúdio do Ano — Nintendo EPD

Melhor Jogo VR — Resident Evil 7

Jogador de Esports do Ano — Agilities (Los Angeles Valiant, Overwatch)

Equipe de Esports do Ano— Lunatic-Hai (Overwatch)

Esport do Ano — Overwatch

Melhor Streamer — Markiplier

Jogo Mobile/Portátil do Ano — Pokémon Sun & Moon

Jogo do Ano da Nintendo — The Legend of Zelda: Breath of the Wild

Jogo do Ano de PlayStation — Horizon Zero Dawn

Jogo do Ano de Xbox — Cuphead

Jogo de PC do Ano — PlayerUnknown’s Battlegrounds

Escolha dos Críticos — The Legend of Zelda: Breath of the Wild

Prêmio de Revelação do Ano — Ashly Burch

Prêmio Hall of Fame — Final Fantasy

Título Mais Aguardado — The Last of Us Part II

Ainda Estamos Jogando — World of Tanks

Vale lembrar que diversas entidades organizam premiações como essa no final do ano. Costumeiramente, considera-se o The Game Awards como a mais relevante atualmente — a edição deste ano ocorre no dia 7 de dezembro.

Fonte: Kotaku

Author: Luiz Roveran

Brasileiro de estatura mediana, gosto muito de fulana mas sicrana é quem me quer. Compositor, guitarrista e pesquisador de trilha musical de videogames, meti-me a falar de jogos e pretendo continuar nesta toada por um tempo.

Share This Post On