PS Plus: confira os jogos grátis de agosto de 2017

A Sony divulgou hoje (26), no blog oficial do PlayStation, a lista de games disponibilizados gratuitamente para os assinantes do programa PS Plus em agosto.

É importante lembrar que, excepcionalmente neste mês, o lineup brasileiro terá uma diferença em relação ao americano e ao europeu. Enquanto os gringos receberão Just Cause 3, nós teremos Strike Vector EX por estas bandas.

Sem mais delongas, confira abaixo a lista completa:

Strike Vector EX (PS4): jogo de combate aéreo espacial desenvolvido pela Ragequit Corporation. Foi lançado no ano passado para o PS4 e promete ação frenética contra uma inteligência artificial refinada.

Assassin’s Creed: Freedom Cry (PS4): aventura independente do canon de sua série, Freedom Cry se passa pouco tempo após os eventos de Black Flag. Foi lançado originalmente como DLC em 2013, mas logo passou a ser oferecido como um game completo.

Super Motherload (PS3): jogo cooperativo para até quatro usuários, parte da premissa de que cada jogador é um escavador em Marte. O título promete uma narrativa detalhada com dubladores americanos e russos, além de seus níveis serem gerados de formas procedural — alterando-se a cada sessão de jogo.

Snakeball (PS3): game competitivo que mistura a ideia de Snake com elementos de jogos de tiro — tudo isso aliado a um visual colorido, baseado nas discotecas dos anos 1970.

Downwell (PS Vita com crossbuy no PS4): aclamado indie publicado pela Devolver em 2015. Título de ação em que a progressão do jogador se dá de forma vertical descendente. Seu visual predominado pelas cores preta e vermelha chama a atenção.

Level 22 (PS Vita): Jogo de furtividade com uma pitada de humor. O jogador deve levar Gary até sua mesa de trabalho sem que seus colegas percebam que ele está chegando atrasado.

No mês passado, a Sony ofereceu Until Dawn Game of Thrones no PS4. E aí? O que você achou da seleção de agosto? Comente aí!

Author: Luiz Roveran

Brasileiro de estatura mediana, gosto muito de fulana mas sicrana é quem me quer. Compositor, guitarrista e pesquisador de trilha musical de videogames, meti-me a falar de jogos e pretendo continuar nesta toada por um tempo.

Share This Post On