Análise | Beyond Blue – A importância dos oceanos

Análises iOS PC PS4 Xbox One
7

Bom

O verdadeiro pulmão do mundo

As pessoas costumavam salientar a importância da Floresta Amazônica por causa do seu papel de “pulmão do mundo”. Hoje se sabe que o verdadeiro pulmão são os oceanos. Sabendo da importância dos oceanos para a raça humana, por que não cuidamos com afinco da nossa principal fonte de oxigênio? Beyond Blue busca conscientizar sobre essa importância e o trabalho dos oceanólogos.

Mirai e o oceano

Mirai é a personagem central de Beyond Blue e possui uma conexão com o oceano desde criança, quando realizava mergulhos livres com a avó. Agora seu trabalho envolve cuidar dos habitantes dos mares, principalmente as baleias. É com elas o principal trabalho de Mirai, que conta com a ajuda de outros especialistas como André e Irina.

As baleias jubarte são o foco de estudo e observação em Beyond Blue
As baleias jubarte são o foco de estudo e observação

Nós seguimos uma família específica de baleias jubarte que acabaram de ganhar um novo membro. A preocupação da equipe é em preservar a saúde da bebê baleia, assim como o habitat de toda a família.

Gameplay e interação

Beyond Blue é um jogo educativo. Ele foi feito em parceria com a BBC e com a OceanX Media com o intuito de conscientização sobre a importância dos oceanos. Algumas pessoas podem ter a visão errada de que se o game é voltado para a educação, ele tende a ser tedioso. Não é o caso.

O game traz uma forma interessante de ensinar. Para não ficar massante, com diversas informações e fatos sendo jogados para o jogador, os desenvolvedores usaram o trabalho de Mirai com livestreams para ensinar. A equipe faz constantes lives nos mergulhos livres da cientista e as curiosidades, perguntas que normalmente faríamos, são perguntadas pelos expectadores. Assim, ao responder os expectadores, Mirai e sua equipe respondem as perguntas indiretas dos jogadores.

Siga pontos de marcação realizando escaneamentos em diversas espécies

Beyond Blue é um jogo calmo e tranquilo. Não espere perseguições de tubarões ou algo do tipo. O game consiste em realizar mergulhos, oito no total, seguindo marcações no mapa e realizando escaneamentos em animais. Quanto mais escâneres em uma espécie, mais você conhece sobre ela.

O game também possui uma narrativa de fundo, tornando a exploração mais interessante.

O trabalho dos oceanólogos

Fora dos mergulhos, podemos interagir e saber mais de Mirai no submarino. É nele que ela liga para sua equipe e é atualizada sobre o trabalho e também sobre sua família. Mirai tem uma irmã, Ren, que está estudando enquanto procura cuidar da avó, a mesma avó que foi inspiração para a cientista e que agora não se recorda dela.

Mirai é a personagem principal e realiza mergulhos livres em Beyond Blue
Mirai é a personagem principal e realiza mergulhos livres

Beyond Blue vai além dos oceanos e suas criaturas e também foca nas pessoas. Os oceanólogos que, para curar o oceano, precisam ficar semanas, meses fora de casa e longe de seus familiares.

Conforme você avança na história, vídeos instrutivos vão sendo liberados, mostrando o trabalho real dos cientistas. São vídeos curtos e educativos mostrando tanto mais curiosidades das espécies e do oceano, quanto do trabalho e vida dos oceanólogos.

Beyond Blue é um jogo curto. Tenha em mente que você irá finalizá-lo depois de duas ou três horas. Como se trata de um jogo educativo, talvez a ideia fosse não estender demais para não torná-lo maçante.

O game é dos mesmos desenvolvedores de Never Alone, que segue os mesmos moldes de game educativo, dessa vez sobre os Iñupiat, um povo nativo do Alasca. Ambos valem a pena para quem deseja aprender mais.

Beyond Blue está disponível no PlayStation 4, Xbox One, iOS e PC, via Steam e Epic Games Store.

Positivo

  • Relaxante, calmo e tranquilo
  • Forma de ensinar não é maçante
  • Vídeos curtos e educativos
  • Legendas em PT-BR

Negativo

  • Muito curto

Resumo

Beyond Blue é um jogo educativo que reforça a importância dos oceanos e nos conta um pouco do trabalho dos oceanólogos.
7

Bom

Amante de livros, séries, mangás e claro, amante de jogos, principalmente aqueles com uma ótima e profunda história. Estuda pedagogia porque precisa trabalhar para comprar os games no lançamento.