Análise | Night Call – Seja um taxista e detetive

Análises PC PS4 Switch Xbox One
8

Ótimo

Night Call é um game indie da BlackMuffin e MonkeyMoon em parceria com a Raw Fury. Ele se passa nas noites de Paris, que estão sendo assoladas por um assassino em série. O jogador é um taxista que foi atacado pelo assassino e ficou em coma por algumas semanas. Ele retorna ao trabalho, um pouco assustado e com raiva do ataque. Porém, ele recebe uma missão de uma detetive.

A policial pede para que você obtenha e investigue pistas sobre o assassino e deve fazê-lo principalmente interrogando seus passageiros. Você tem sete noites, sete turnos para descobrir o assassino e, caso não tenha sucesso, será preso por conta do seu passado “conturbado”.

O objetivo, então, é reunir o máximo de pistas possíveis dos seus passageiros sem deixar de ganhar dinheiro, porque as contas não se pagam sozinhas.

O trabalho como taxista e detetive

Depois de ser apresentado à trama, o jogador deve iniciar os trabalhos como detetive e taxista. O mapa do jogo mostra os passageiros que estão precisando do seu serviço, além de outros pontos, como o posto de gasolina e pistas que podem ser compradas e obtidas.

Os passageiros são variados e você é livre para aceitar e recusar as viagens. As histórias e encontros com esses passageiros são o ponto alto de Night Call. A trama principal se baseia em encontrar o assassino, mas mesmo um passageiro sem nenhuma relação com a sua investigação será alguém interessante, que normalmente irá conversar com você.

Night Call

A conversa é dirigida pelo próprio jogador, que expõe sua opinião por meio de escolhas. Você pode ser rude, empático e questionador. O tom da conversa depende muito das suas escolhas.

Temas diversos e muito diferentes são levantados em cada corrida. Você transporta desde um padre, que compara o táxi a um confessionário, até uma mulher barbada, que após ser abandonada pelo marido, está voltando de uma viagem de redescoberta.

O game tem uma narração própria, que lhe diz como os passageiros reagiram a sua pergunta, os gestos que fazem e suas próprias reações. Cada viagem é um deleite e logo você irá se perguntar qual história incrível reserva a próxima corrida.

Um ponto negativo, porém, é que Night Call possui somente dois idiomas: inglês e francês. Então, caso um jogador não consiga ler em nenhum desses, ele não irá conseguir acompanhar e aproveitar essas histórias.

Sete noites

Como já dito, você tem sete noites para encontrar o assassino. Para isso, você deve reunir o máximo de pistas durante o seu expediente. Depois de algumas noites, essas pistas são coletadas pela detetive, que irá lhe dizer se seu trabalho foi satisfatório.

Além dos próprios passageiros, você pode seguir para os ícones com um olho no mapa e comprar pistas. Normalmente elas são caras, então fica à sua escolha se deve investir nisso, ou não. Coletar pistas nesse ponto também é uma opção, desde que você escolha as ações corretas.

Um ponto interessante é que alguns passageiros não proporcionam eventos únicos. Você pode encontrá-los em mais de uma ocasião e continuar, assim, aquela mesma história.

Porém, senti falta de um recurso, ou modo de jogo, onde você não precisa se preocupar com a coleta de pistas. Após ter sucesso e encontrar o assassino, o jogo encerra, não lhe dando a possibilidade de continuar com o trabalho simples de taxista, ouvindo os passageiros.

Pode parecer que seria chato continuar o game sem o objetivo principal, mas fiquei curiosa com as diversas histórias que não pude conhecer ou finalizar. Night Call apresenta mais de 70 personagens, mas infelizmente te dá muito pouco tempo para conhecê-los. O jogo se encerra com, aproximadamente, 5 horas de gameplay.

Conclusão

Night Call é um jogo simples, curto, mas memorável. Com relação a bugs, me deparei com um que não me deixava clicar em nada no mapa, tendo que reiniciar o jogo para continuar. Mas o progresso é salvo constantemente, então isso não atrapalhou o andamento do game.

Infelizmente, o game não possui legendas em português, o que pode afastar jogadores que não estão familiarizados com o inglês.

Night Call é um game indie que vale a pena adquirir. O game pode ser finalizado rapidamente, mas mesmo não dando tempo para conhecer os personagens, tenho a impressão que sempre vou me lembrar das histórias que “ouvi” dentro do táxi.

Positivo

  • Histórias ricas e memoráveis
  • Liberdade para escolher qual história deseja ouvir ou prosseguir
  • Trabalho como taxista é divertido
  • Personagens bem trabalhados

Negativo

  • Não possui legendas em português
  • Não te dá oportunidade de continuar as histórias e conhecer todos os personagens
  • Alguns bugs fazem necessário reiniciar o game

Resumo

Night Call te coloca na pele de um taxista em Paris. As noites na cidade estão sendo assoladas por um assassino, que você deve ajudar a capturar.
8

Ótimo

Amante de livros, séries, mangás e claro, amante de jogos, principalmente aqueles com uma ótima e profunda história. Estuda pedagogia porque precisa trabalhar para comprar os games no lançamento.